Início / Sem categoria / Prefeitura decreta situação de calamidade pública por falta de combustível

Prefeitura decreta situação de calamidade pública por falta de combustível

Em reunião na manhã dessa quinta-feira (24), a pedido do prefeito Chola, que está em Brasília participando da marcha dos prefeitos, ficou decretada situação de calamidade pública por conta da crise dos combustíveis. Encabeçada pelo vice-prefeito Cal Oliveira, a reunião com o secretariado do governo decidiu que seria prudente suspender os serviços que não são essenciais e necessitam do uso de combustível.

A decisão do município tem o objetivo de garantir o atendimento para a comunidade na área da Saúde. Dessa forma, continuará em funcionamento apenas os serviços de ambulância para transporte de pacientes oncológicos e hemodialisados, bem como os casos de urgência e emergência.

Os demais serviços e atividades do município que necessitam do uso de veículos e maquinário que precisam de transporte estão suspensos com prazo indeterminado, até a regularização dos serviços. O transporte escolar municipal, intermunicipal e rural, e por consequência, as aulas na rede pública, param à partir de amanhã (25).

A greve dos caminhoneiros iniciou na última segunda-feira (21) e acarretou no desabastecimento de combustível em Pedro Osório, da mesma forma que em boa parte dos municípios do país.

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Scroll To Top